# Natanael Diniz

O poder da palavra

18 de Junho de 2018 às 19:59

Caros leitores vamos refletir um pouco nesse texto a importância da palavra em todo contexto social que vivemos. Desde os primórdios da humanidade, o homem manifesta sua linguagem por meio de gestos, ações, mas a palavra é preponderante nesse processo de entendimento.

Na própria Sagradas Escrituras, temos registro da famosa passagem que afirma: O Verbo se fez carne e habitou entre nós. Ou seja, o verbo de Deus é ação manifestada no meio de nós, por meio da comunicação, da palavra viva.

Temos uma compreensão simplista às vezes do poder da palavra, mas é por meio dela que expressamos muitas das nossas emoções e vivências. Uma palavra de amor, carinho, afeto, e até mesmo palavras que nos ferem, machuca.  Portanto, a palavra tem o poder de construir, mas também de destruir.

No sentido mais figurado, a palavra tem grande carga expressiva nas diversas relações que envolvem os seres humanos, somos seres dotados de inteligência e as palavras são reflexos dessa realidade, afinal quando aprendemos a discernir o que uma palavra alcança temos ciência de que nossa ação tem poder sobre aquilo que eu escrevo ou falo.

As palavras estão inseridas na escrita e na nossa fala, são elas que denotam nossas capacidades mais sublimes: a de comunicar-se.  Sendo assim, precisamos reavaliar nossa própria comunicação.

Jesus em suas parábolas manifestou de forma comparativa o que poderia ser aprimorado e melhorado nas atividades das pessoas, ele é o mestre por excelência da palavra da Boa Nova, sua palavra gera vida, amor e acolhimento.

E você tem gerado e falado palavras de vida ou de morte? Tem sufocado ou ajudado as pessoas? Tais questões são oportunas para a nossa melhor análise.

A palavra em si tem seus reflexos em nosso cotidiano, nessa linha precisamos muitas vezes melhorar nossa expressão por meio das palavras.  Podemos perceber que em mundo tão globalizado as palavras alcançam um poder avassalador, seja por meio da publicidade, da internet, da televisão e de tantos outros meios.

Contudo, a palavra pode nos motivar em nossa construção permanente de sermos pessoas melhores, assim poderemos ampliar esse bonito recurso que existe em nós.