# Notícias Gerais

24 de Setembro de 2020 às 19:43

Policias Civil e Militar apreendem mais de 2 mil quilos de maconha transportada em comboio e em sítio

Quatro suspeitos presos e veículos apreendidos

Continue lendo após anúncio
 

Na madrugada desta quinta-feira 24/09, a Polícia Militar de Campo Florido que relatou que o operador do olho vivo, visualizou através das câmeras de monitoramento, quatro veículos; um Renalt Duster emplacado em Mirassol SP cor prata, um Fiat Fiorino emplacado em São José do Rio Preto cor branca, um VW Gol emplacado em Belo Horizonte de cor cinza e uma Toyota Sw 4 de cor escura todos em comboio, momento em que desembarcou do Gol um homem e embarcou no Duster.

Os militares com as informações acionaram as frações destacadas e Uberaba para o cerco-bloqueio, deslocaram na BR-262 sentido a Uberaba, avistaram o comboio, abordaram a Renault Duster com dois homens identificados como L.K.M.A., 31 anos e L.M.D.A.,  31 anos; a viatura de Veríssimo próximo à entrada da cidade abordou a Fiorino de cor branca que era conduzida por ES.P., 30 anos, no interior localizaram grande quantidade de maconha.

Nas proximidades da MG-427, os policiais rodoviários estaduais abordaram o VW Gol com o ocupante R.P., 43 anos que sem sombra de dúvidas relatou aos policiais, o local onde estariam escondidas aproximadamente dois mil quilos da droga localizada na Fiorino anteriormente; e também que aproximadamente nove pessoas estariam fazendo a segurança da droga.

Os militares arrecadaram a droga localizada no Fiat Fiorino, montaram uma operação e deslocaram sentido ao sítio que foi apontado pelo condutor do VW GOL.

Uma guarnição Tático Móvel deslocou mais à frente e deparou com os autores no sítio, e constatou que se tratavam de Policiais Civis do DENARC de Belo Horizonte e em conjunto com agentes da Delegacia Antidrogas de Uberaba., e verificou que haviam outros veículos pelo local dentre eles a Toyota SW 4 de cor escura a mesma identificada pelo olho vivo que compunha o comboio.

Os militares realizaram contato com o Delegado Daniel Moraes Cançado de Araújo, que chefiava a operação e relatou que se encontrava em operação e que havia arrecadado grande quantidade de drogas, aproximadamente dois mil quilos dessa substância.

Essa apreensão ficou a cargo da Polícia Civil.

Segundo a PM ficou evidente o transporte da droga pelo autor no veículo Fiorino em direção ao Estado de São Paulo, com o apoio do veículo Duster e no veículo Gol.

Os policiais fizeram a apreensão das drogas, apreensão dos telefones celulares e quantia em dinheiro, efetuaram a prisão dos autores bem como a remoção dos veículos utilizados no transporte/ batedores que foram removidos pelos guinchos ao pátio credenciado.

Com informações da Polícia Militar 

24 de Setembro de 2020 às 14:41

Com ajuda de cão farejador militares localizaram 15 tabletes de maconha no “morrão“ em Patos de Minas

A droga foi apreendida e encaminhada a esta Depol.

Continue lendo após anúncio
 

PATOS DE MINAS (MG) – No dia 23/09, quarta-feira, por volta das 17h00min, a Polícia Militar recebeu informações anônimas de que A.R.P.S., de 41 anos, estaria namorando uma menina no Bairro Antônio Caixeta e que estaria traficando drogas e escondendo em meio uma área de vegetação, denominada "morrão".

Os militares passaram a diligenciar e com apoio do cão farejador, localizaram em meio a vegetação, enterrada, 15 tabletes de maconha.

Os policiais realizaram várias diligências na tentativa de localizar o suspeito apontado anonimamente, porém o mesmo não foi localizado.

A droga foi apreendida e encaminhada a esta Depol.

Fonte: Agência de Comunicação Organizacional da 10ª RPM

24 de Setembro de 2020 às 14:08

Até o momento foram 278.901 casos confirmados, sendo 2.587 nas últimas 24 horas.

Informe Epidemiológico Coronavírus 24/9/2020

Continue lendo após anúncio
 

Estão em acompanhamento 26.917 casos e são 245.001 casos recuperados.

Estão confirmados 6.983 óbitos, sendo 86 nas últimas horas.

 São 27.955 casos de internação hospitalar na rede pública e privada e a letalidade da doença é de 2,5%.

24 de Setembro de 2020 às 10:21

Homens são presos com maconha e cocaína e material para prepara drogas

A ação policial foi no bairro Santa Rosa em Uberlândia

Continue lendo após anúncio
 

UBERLÂNDIA (MG) – No dia 23/09, por volta das 15h35min, segundo a PM,  na rua Agenor Rangel bairro Santa Rosa, foram presos dois autores e apreendidos diversos apetrechos para preparo de cocaína, tais como: vasilhas; liquidificador sujo de cocaína; 15 tabletes de tamanhos distintos de maconha; 48 saquinhos tipo zip look contendo cocaína; três potes contendo cultivo de planta análoga a espécie cannabis sativa, ainda não maturada; duas balanças de precisão; embalagens zip looks vazias para futuro embalo; rolo de papel filme; saco contendo cocaína e diversos comprimidos benegrip e um vidro de cafeína.

Os policiais chegaram ao local depois de uma denúncia detalhando o que ocorria na residência.

Os autores de 27 e 28 anos foram conduzidos à delegacia, juntamente com o material apreendido.

Com informações da Polícia Militar 

24 de Setembro de 2020 às 14:27

Caixa paga R$ 300 a 1,6 milhão beneficiários do Bolsa Família

Serão atendidas pessoas com Número de Identificação Social final 6

Continue lendo após anúncio
 

A Caixa realiza hoje (24) o pagamento de R$ 428,2 milhões referente à primeira parcela do auxílio emergencial residual para 1,6 milhão de beneficiários do Bolsa Família com final  6 do Número de Identificação Social (NIS).

Com mais esse pagamento, foram liberados até hoje R$ 2,5 bilhões da primeira parcela do auxílio emergencial residual para 9,6 milhões de pessoas que atendidas pelo Bolsa Família. Ao todo, mais de 16,3 milhões de pessoas cadastradas no programa foram consideradas elegíveis e receberão, no total, R$ 4,3 bilhões durante o mês de setembro.

Critérios

Para quem recebe o Bolsa Família nada muda. O recebimento do Auxílio Emergencial Extensão atende aos mesmos critérios e datas do benefício regular, permitindo a utilização do cartão nos canais de Autoatendimento, Unidades Lotéricas e Correspondentes Caixa Aqui; ou por crédito na conta Caixa Fácil.

Para o pagamento do Auxílio Emergencial Extensão, os beneficiários do Bolsa Família tiveram avaliação de elegibilidade realizada pelo Ministério da Cidadania – conforme Medida Provisória nº 1.000, de 2 de setembro de 2020 – e recebem o valor do Programa Bolsa Família complementado pela extensão do auxílio emergencial totalizando R$ 300 ou R$ 600, no caso de mulher provedora de família monoparental.   

Fonte: Agência Brasil foto: Marcelo Camargo Edição: Kleber Sampaio

24 de Setembro de 2020 às 07:57

Nota de falecimento PATOS DE MINAS: . Otavio Pires de Castro aos 75 anos

Saiba detalhes do funeral

Faleceu em Patos de Minas – MG, o Sr. Otavio Pires de Castro aos 75 anos.

Deixa a esposa: Maria Abadia de Castro

Deixa o Filho: Paulo César de Castro

Deixa Nora, netos, irmãos, sobrinhos e demais parentes e amigos.

Cerimônia Fúnebre (restrita a familiares limitado a 10 pessoas, Conforme Decreto Municipal n° 3.675) no Velório Príncipe da Paz, Sala 01, e será sepultado dia 24/09/2020 às 09h00 horas no Cemitério Municipal de Patrocínio-MG.

Informou: Funerária São Pedro e Velório Príncipe da Paz.

Site: www.grupofsp.com.br

23 de Setembro de 2020 às 16:35

Evangelho do Dia

Enviou-os a proclamar o Reino de Deus e a curar os enfermos.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas.
Naquele tempo, 9 1 reunindo Jesus os doze apóstolos, deu-lhes poder e autoridade sobre todos os demônios, e para curar enfermidades.
2 Enviou-os a pregar o Reino de Deus e a curar os enfermos.
3 Disse-lhes: “Não leveis coisa alguma para o caminho, nem bordão, nem mochila, nem pão, nem dinheiro, nem tenhais duas túnicas.
4 Em qualquer casa em que entrardes, ficai ali até que deixeis aquela localidade.
5 Onde ninguém vos receber, deixai aquela cidade e em testemunho contra eles sacudi a poeira dos vossos pés”.
6 Partiram, pois, e percorriam as aldeias, pregando o Evangelho e fazendo curas por toda parte.
Palavra da Salvação.

Evangelho - Lucas 9,1-6
 

23 de Setembro de 2020 às 16:17

Covid-19: estudo com 50 mil pessoas aponta segurança da vacina chinesa

CoronaVac está na última etapa de estudos em humanos

Continue lendo após anúncio
 

Fonte: Agência Brasil Divulgação/Governo de São Paulo

O governador de São Paulo, João Doria, disse hoje (23), em entrevista coletiva, que a CoronaVac, vacina que está sendo desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, vem demonstrando segurança na fase de testes em humanos. Isso significa que a vacina não provoca efeitos colaterais graves.  

A CoronaVac está na fase 3 de testes em humanos, que vai avaliar agora a a eficácia, ou seja, se ela produz anticorpos em quantidade suficiente contra o vírus.

Estudo feito na China com 50.027 voluntários chineses, entre eles, funcionários da própria Sinovac, demonstrou que 5,36% das pessoas vacinadas apresentaram efeitos colaterais, todos sem gravidade: dor no local da aplicação (caso constatado em 3,08% dos voluntários), fadiga (1,53%) e febre leve (0,21%). Efeitos um pouco mais graves foram observados em 0,03% dos voluntários, tais como perda de apetite, dor de cabeça, fadiga e febre.

“Estudos clínicos comprovam a segurança da CoronaVac. Cerca de 94,7% dos mais de 50 mil voluntários testados na China não apresentaram nenhum sintoma adverso em relação à CoronaVac. Os resultados na China mostraram baixo índice, de apenas 5,3%, de efeitos adversos e de baixa gravidade. A maioria destes casos apresentou apenas dor no local da aplicação da vacina. Efeitos adversos de baixa gravidade são comuns em vacinas”, falou Doria.

Entre os que foram vacinados com a CoronaVac está o representante da Sinovac, Xing Han, que está atualmente em São Paulo. Em entrevista hoje (23) ao lado do governador João Doria, Han disse ter tomado as duas doses da vacina, sem ter sentido qualquer efeito colateral. “Os testes da fase 3 (em humanos) estão indo muito bem. Estamos confiantes na CoronaVac tanto em sua segurança quanto em sua eficiência. Ela será bem testada e, daqui a um ou dois meses, já deve sair o resultado da fase 3”, disse Han.

“A segurança e eficácia são dois dos principais fatores para comprovar se uma vacina está pronta para uso emergencial na população. Estamos muito otimistas com os resultados que a CoronaVac apresentou até o momento. Isso mostra que o Butantan e a Sinovac estão no caminho certo para a produção de um imunizante contra o coronavírus”, disse Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan.

A vacina CoronaVac está sendo testada no Brasil desde julho, na fase 3, que estuda a eficácia do imunizante. A vacina está sendo aplicada em duas doses. Segundo Doria, mais de 5,6 mil voluntários de seis estados brasileiros, de um total de nove mil, já receberam a primeira dose da vacina; alguns deles já receberam até mesmo a segunda dose. Todos esses voluntários são profissionais de saúde.  Nenhum deles, segundo o governo paulista, apresentou reações graves à vacina.

Esse número de voluntários no Brasil vai crescer, segundo Dimas Covas. Após aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o Instituto Butantan se prepara para ampliar a quantidade de voluntários da vacina no país, que passará a ser de 13 mil pessoas.

Caso os testes comprovem a eficácia da vacina, ela precisará de uma aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) antes de ser disponibilizada para vacinação no Brasil.

Eficácia

Os resultados sobre a eficácia da vacina, no Brasil, devem começar a aparecer a partir da segunda quinzena de outubro, segundo Dimas Covas. Se esse cronograma se mantiver, a vacina se mostrar eficaz e houver a aprovação da Anvisa, a expectativa é de que a vacina esteja liberada para vacinação a partir de dezembro.

Na China já foram iniciados testes da vacina em crianças e idosos. Entre as pessoas com mais de 60 anos, a vacina foi aplicada em 422 voluntários e os resultados apontaram 97% de eficácia. Os estudos em crianças têm 552 voluntários de 3 a 17 anos.

A partir de hoje, a vacina passará a ser testada, em sua fase 3, também em voluntários da Turquia.

Doses

Em outubro, o governo de São Paulo vai receber 5 milhões de doses da vacina já fabricadas pela Sinovac. Até dezembro, o estado receberá 46 milhões de doses, sendo seis milhões delas prontas para aplicação e 40 milhões que necessitarão ser formuladas e envasadas pelo Instituto Butantan. Por contrato, outras 55 milhões de doses devem ser disponibilizadas pela farmacêutica chinesa ao governo paulista até maio de 2021, sendo que 15 milhões delas serão entregues até fevereiro.

O acordo da Sinovac com o Instituto Butantan prevê a transferência de tecnologia, ou seja, o instituto vai passar também a produzir doses dessa vacina no Brasil. Para isso, o Butantan vai dar início, em outubro, a obras para ampliação de sua fábrica, que terá capacidade de produzir 100 milhões de doses por ano da CoronaVac.

O governo paulista espera que o Ministério da Saúde adquira  outras doses dessa vacina para distribuição no restante do país. Para isso, o governo de São Paulo requisitou R$ 1,9 bilhão ao Ministério da Saúde para a compra de doses e também ajuda para a ampliação da fábrica do Butantan, o que aumentaria a quantidade de doses da vacina produzida pelo instituto. Hoje (23), em reunião no Ministério da Saúde, o secretário da Saúde de São Paulo, Jean Gorichteyn, conseguiu obter uma liberação inicial no valor de R$ 80 milhões, o que, segundo Doria, será utilizado integralmente na ampliação da fábrica do Butantan.

23 de Setembro de 2020 às 14:26

Minas volta a ter aumento nos casos de Covid e mortes, sendo 133 óbitos nas últimas 24 horas

Patrocínio aparece com 32 óbitos

Continue lendo após anúncio
 

Até o momento foram 276.314 casos confirmados sendo 3.081 nas últimas 24 horas.

Estão em acompanhamento 26.983 casos e são 242.434 casos recuperados.

Estão confirmados 6.897 óbitos, sendo 133 nas últimas 24 horas.

 São 27.570 casos de internação hospitalar na rede pública e privada e a letalidade da doença é de 2,5%.